Um projeto não se resume em apenas a um desenhinho, como muitos consideram. Um desenho, no caso um projeto, é apenas uma resposta formal, síntese de várias condicionantes.

Até chegarmos ao projeto propriamente dito, muitas etapas devem ser vencidas. Muitos itens para serem considerados. No meu ponto de vista um projeto tem muitos itens importantes. É até um desafio saber qual é o mais importante.

Vou colocar aqui alguns pontos que considero muito importante para um bom projeto.

1.Pessoa/pessoas. Esse talvez seja o item mais desafiante. A diversidade humana. Cada um com seu jeito. Quem vai utilizar do espaço, qual sua necessidade, como é sua rotina. Por exemplo, todo ser humano precisa dormir. Uns gostam de dormir sem nenhuma luz, outros já preferem um pouco de luz. São muitas particularidades de cada um. E não importa a escala. E nesse item os pet não podem ser esquecidos, aliás eles são quase humanos, só não falam. Mas fazem parte da família e cada um com seu jeito de ser como os humanos.

E você que está pensando em construir ou reformar, faça uma lista dos seus desejos, da sua rotina. Do seu jeito de ser. Todos. Vá fazendo e anotando com calma conforme for lembrando. Isso ajudará o profissional que for escolhido para fazer o seu projeto

2.  O local, o espaço, o ambiente que ganhará um projeto. Características físicas. Características como posição do sol, vento. Como é, suas dimensões. O que permanece? O que sai? O que tem de favorável, o que tem de desfavorável? Quais as limitações?  Vai atender as necessidades? São pontos importantes para um levantamento de início.

3. Legislação. O que é permitido, o que não é permitido. Normas. Algumas intervenções não precisam se atentar às normas, como uma simples obra interna que só vai ter serviços de pinturas e interiores. Outras já são obrigatórios atentar para diversos tipos de legislações e códigos de obras. E ainda precisam passar por tramites burocráticos para a aprovação.

4. Coleta das informações pessoas/ espaço/ legislação. São os dados coletados que darão suporte para o embasamento do projeto. O projeto será uma síntese disso tudo. A resposta formal dos dados que foram coletados.

5. Sensibilidade. Sim também esse ponto é bem relevante. São aspectos não mensurados para as respostas formais, o projeto. É a percepção de ir além dos dados que foram coletados. É a sensibilidade em observar, ouvir, criar a conexão com o cliente. Profissional e cliente. O bom relacionamento.

6. Empatia. “Rappot” profissional e cliente. Reforçando o item anterior. O profissional tem que se colocar no lugar do cliente, entender suas necessidades e gostos. Não podemos impor nossos gostos de projeto. Nosso papel é acima de tudo orientar. Sugerir e conduzir. Quem contrata um projeto tem sonhos. E além disso, seu sonho pode representar uma economia financeira que pode ter levado muitos anos para a realização.

É como um médico, se não gostamos, ou simpatizamos, não voltamos mais. A não ser que não se tenha opção.

7.organizaçāo das etapas, dos dados, dos procedimentos, dos serviços, de tudo. São muitos itens, dados, etapas, serviços, procedimentos que precisam ser sistematizados e organizados.

8. Flexibilidade por parte do profissional para fazer os ajustes necessários. Um profissional pode não acertar de primeira o que o cliente deseja, ou o que ele pode construir ou reformar. Ajustes podem ser feitos na etapa de projeto, para só então serem executados.

9. Conhecimento técnico em muitas áreas: desenho, geometria, história, física, química, psicologia, administração. Entre outras. Eu vejo a arquitetura como uma das áreas que mais devemos ter conhecimentos técnicos em diversas áreas. O projetar envolve muitas coisas. Muitos aspectos, aspectos técnicos e humanos.

São apenas alguns itens, que quando misturados, nas suas devidas proporções podem ser transformados em um bom projeto.

Um projeto é algo personalizado. É para cada pessoa com seu jeito de morar e habitar. O habitar não se resume em apenas morar, Mas também em trabalhar, estudar, viver. Um projeto deve proporcionar conforto e bem estar. Deve ser funcional para atender a cada necessidade especifica.

Eu sou arquiteta.

Me acompanhe pelo instagran.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s