E por falar em equilíbrio… Vale a postagem, pelo momento . Esse post não é sobre arquitetura, nem obras residenciais. Talvez comparando, uma arquitetura unica, de nós mesmo. uma reforma interna que cada ser humano deve se questionar, refletir, melhorar.

Sempre tem algo que se possa melhorar. é preciso se permitir. Aceitar.

Faz tempo que não escrevo por aqui.

O meu equilibrio também está um pouco em desequilíbrio, meio desorganizado! Sim sou um ser comum. Ficarei bem.

Seria ótimo se conseguíssemos sempre o equilíbrio. Só que não. São muitos fatores envolvidos em muitos aspectos e nem damos conta de tudo.

São as energias de um lado e de outro que vão fazendo suas conexões física e química; o corpo vai reagindo para tender a buscar o equilíbrio. Porque na natureza tudo tende ao equilíbrio e fazemos parte dela.

A vida urbana, cotidiana, atual que o mundo vive tem tantos aspectos que desequilibra o ser humano e acostumamos como se o desequilíbrio fosse algo normal. Natural.

Dormimos tarde, acordamos cedo… Alimenta-se mal na maioria das vezes. Quando se consegue dormir. Tantos casos de insônia parcial e total hoje em dia. Tudo isso, causando transtornos químico e físicos no organismo, alterando o metabolismo natural do ser humano. Alterando neurotransmissores para o correto funcionamento.

Luzes em excesso estimulando e alterando a produção de hormônios e neurotransmissores de forma desequilibrada.

Valores, éticas, referências, hierarquias necessárias sendo descartadas desde o berço familiar.

Desrespeito próprio da própria essência natural divina. Desrespeito com o outro.

Consumos auditivos, visuais, gustativos enaltecendo o imediatimo do prazer vazio sem sustentação que não se consolida, nem gera uma sustentação para uma construção de vida evolutiva. Não estou querendo dizer que os prazeres da vida devem ser descartados; Não é isso, Devem existir, só não precisam existir de maneira dequilibrada. Todos excessos são desequilibrios.

Muitas ações são de cada um.

Só o amor não basta. Sempre acreditei que o amor transcende. E ainda continuo acreditando. Mas só o amor não basta!

Onde tudo se perdeu?

Não é à toa tantos casos de doenças, tantos consultórios cheios, farmácias vendendo “à rodo”, tantos desequilíbrios emocional e físico de toda sorte (colesterol, glicemia, pressão, ansiedade, depressão…. Velhinhos cada vez mais necessitando de mais e mais medicação….uma medicação para ajudar em alguma patologia natural da idade outra para minimizar os efeitos colaterais causados por outras medicação e ….que ciclo!

E quem pode argumentar? É preciso confiar, afinal foi tudo prescrito pelo profissional de saúde que tem habilidade para tal.

Eu questiono! Não somos tratados na individualidade do ser. O ser humano não é um bocado de células que reagem quimicamente de maneira padronizada.

Cada um tem seu metabolismo, sua sensibilidade, seu funcionamento de maneira individual.

Não somos robôs com vida. Apesar de na grande maioria vivemos como um robô mecanizado com vida, inseridos em uma rotina caótica, mecanizada e robotizada.

Sem falar ainda na evolução espiritual de cada um…. Esse ponto ainda falta muito para o ser humano ser algo realmente “humano”, que transcenda em sua inteligência emocional e espiritual.

O fato é que os próprios médicos também são seres que fazem o que estão em seu alcance, envolvidos em suas rotinas também estressantes, cansativas, no padrão da vida urbana que estamos inseridos, dentro do processo evolutivo que cada um vive.

Ainda que alguns raros seres humanos tenham um pouco mais de percepção e sensibilidade, ainda estão distantes de Deus!
Deus preza o amor transcendente, da alma. Deus preza o equilíbrio da natureza divina e cósmica.

Cada ser precisa fazer sua parte e somar coisas positivas que agregam valores, qualidade de vida, bem-estar, no que for possível dentro do universo de cada um, dentro da vida urbana caótica e doentia. É preciso tentar, pelo menos.

É preciso questionar internamente, consigo mesmo. É preciso melhorar a percepção. Observar. Observe sua vida, seus atos, com os outros….

Observe o céu. Pare por um instante.

O ser humano é dotado com inteligência é preciso agir de maneira mais inteligente.
Tentar, se policiar, perceber.

Reflitam.

Que o sol possa nos orientar e iluminar.

Sim eu sou um ser humano, sou arquiteta. Meu trabalho é para melhorar a qualidade de vida das pessoas. Não sou da área da saúde, nem médica, nem psiquiatra nem pscóloga,… Apenas um ser!

Apena um ser que gostaria muito de ver um mundo mais equilibrado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s