Reformar ou construir. Construir ou reformarpiscina-2

É bem comum encontrarmos pessoas que se deparam com essa dúvida construir ou reformar?

Nesse texto vou me atentar à residência. A casa.

Em determinado momento da vida de uma pessoa, ou um casal, ou mesmo uma família o sonho de ter um espaço ideal, personalizado, pensado em cada cantinho do ambiente, para morar ou para ter como momentos fora da rotina, fica de certa forma muito evidente. A casa dos sonhos. Ter aquele cantinho para montar um studio, um cantinho de leitura, um atelier, um cantinho ao ar livre, enfim cada pessoa carrega um desejo, seja lá qual for, o desejo de um determinado ambiente acoplado, integrado à casa.

Para alguns isso surge mais cedo, para outros mais adiante, quando já atingiram certo nível de maturidade. E é claro, outros preferem o apartamento convencional, simples, sem nada mais agregado.

Não tem certo ou errado. Em ambos casos, reformar ou construir pode vir atender ao sonho desejado.

O primeiro passo é atentar para a legislação urbana, plano diretor, código de obras do município. Isso vale para qualquer caso: reformar ou construir.

Em ambos casos pode haver restrições, condicionantes da legislação, implantação, impedindo um completo desejo de construir ou reformar.

Uma determinada família, por exemplo, já possui um imóvel, deseja reformar e ampliar. É um bem de família, não deseja vende-lo para adquirir outro.

Algumas vezes o desejo de reformar e ampliar se esbarra nas limitações de recuos e gabarito (altura permitida) do zoneamento. Mas sejamos coerentes. Muitos não querem só ampliar querem ocupar quase 100% do lote inserido. Querem todo o espaço do lote que se diz ter direito. Nesses casos na grande maioria o zoneamento urbano atual não permite mais esse tipo de ocupação, pelo menos por aqui.

Quando a ampliação é vertical, acrescentando um ou mais pavimentos, as restrições de um modo geral são mais vantajosas que as ampliações horizontais, a não ser quando se tem uma casa geminada, aqueles casos onde uma é grudada na outra em um dos lados. Ai nesse caso aumenta as restrições.

Outro ponto a se atentar é a execução de um projeto mesmo que seja somente para reforma. Nesses casos, muita gente contrata um empreiteiro e acha que está tudo certo. Não é bem assim.

Só um profissional capacitado pode orientar, para começar, sobre a legislação.  O que é permitido e o que não é, O profissional capacitado executa um projeto e pensa na função do espaço, pensa na organização dos espaços, pensa como se articulam os espaços e como as pessoas os utilizarão. E vai além é capaz de pensar além da forma.

Um projeto bem elaborado vai ao encontro do desejo de quem vai construir ou reformar.

E em relação à reforma e construção nova, no meu ponto de vista, a construção nova ganha no aspecto de criatividade na organização dos espaços e fachada. Algumas reformas não se têm tantas flexibilidades em mudanças na distribuição dos ambientes.  Mas cada caso é um caso e deve ser visto com critério minucioso todas as particularidades. Um projeto é único para cada caso, cada lote, cada programa, cada pessoa.

Eu gosto de comparar com uma roupa, quando vamos a uma loja e compramos uma roupa, pra ficar perfeita sempre tem um ajuste, e se a pessoa faz a roupa sob medida, essa tem um caimento perfeito para a pessoa. O projeto é a mesma coisa. É único para cada caso, não cabe se foi feito para outro lugar, para outras pessoas.

O outro quesito importante para quem vai reformar ou construir é contratar executores capacitados. Empreiteiros, mestres capacitados, que saibam ler projetos. Parece incrível, mas muitos não sabem ler projetos. E se não existe um acompanhamento da obra a execução fica a desejar. Pode ter o melhor projeto, materiais de primeira, mas se cair nas mãos de um mau executor, a casa dos sonhos acaba se tornando um grande pesadelo.

Por isso sonhe, pesquise, planeje todas as etapas que precise, e “mãos a obra” para que tudo seja construído ou reformado em grande estilo, no final vai valer a pena.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s