Você sabia que a luz é o agente físico que nos permite ver a cor?

Você certamente já passou por uma experiencia de quando você estava fazendo uma reforma, ou um amigo, e precisou comprar uma tinta com uma cor por exemplo.

Você vai na loja, escolhe uma cor. Ou ainda compra via internet, baseados nos simuladores de ambiente. Pinta a parede e de repente se depara, não foi essa cor que escolhi. Isso é algo muito comum que acontece com certa frequência.

E por que acontece? Justamente por causa da luz. Ou melhor da iluminação.

De qualquer forma quando a tinta está molhada ou úmida ela parecerá diferente, espere secar.

Para enxergarmos as cores precisamos do agente físico, a luz. E com uma combinação de fatores externos e da nossa visão e cérebro conseguimos perceber as cores. Nossos olhos são dotados de células fotorreceptores, sensíveis a luz. No escuro não conseguimos ver as cores. E o cérebro codifica as mensagens recebidas pela retina.

Se vemos uma cor através de um dispositivo eletrônico, vemos diferente do dispositivo da loja, ou de um amigo. Ou mesmo o seu, pelo computador ou pelo celular. Se esses equipamentos não estiverem muito bem calibrados a percepção da cor não será a que deveria.

Outro fator é que na lojas de departamentos em geral, lojas de tintas, a iluminação desse locais geralmente são feitos com lâmpadas fluorescente. Hoje algumas de leds tubulares. São lâmpadas para uma iluminação geral, não são lâmpadas para se ter a fidelidade de percepção da cor.

Chegando na sua casa, escritório, onde quer que seja que você vai pintar ou pintou a parede a iluminação já vai ser outra. Pode receber influência de iluminação natural, e também artificial. E, portanto, não será a mesma percepção da cor quando você escolheu na loja.

Não é à toa que os fabricantes criaram os testes color, que são vendidos em pequenas quantidades justamente para se testarem no local e ter a percepção mais fiel possível de quando estiver no ambiente.

A mesma coisa acontece com os papeis de parede, a loja sempre empresta os mostruários para se ver no local.

É claro se você tem uma peça de destaque, um quadro ou um objeto que quer que seja valorizado, enxergado com suas verdadeiras cores, invista em um projeto de luminotécnica, em lâmpadas especiais que tem IRC e reproduzem a cor com fidelidade.

Uma outra questão muito importante é que uma cor pode também influenciar a outra. Além da iluminação tem esse outro fator.

Um amarelo por exemplo, pode parecer mais apagado ou mais luminoso conforme o local onde estiver inserido e as cores que fizerem parte da composição.

Uma cor sozinha pode parecer ser outra cor se estiver perto de outra que influencie na percepção.

Com muitas cores acontecem de parecerem ser outra cor somente por estar próxima de uma outra cor ou mesmo uma iluminação diferente.

São verdes que parece serem azuis, azuis que parece serem verdes, ou roxos, dependendo dos tons, marrons claros que parecem alaranjados, e por ai vai.

No meu ponto de vista, não existe cor totalmente neutra.

A luz solar é a luz que nos faz perceber a cor com toda fidelidade.

Isso é fácil de se comprovar, com uma roupa. No ambiente a roupa parece ser de uma cor na luz do dia, parece de outra cor. Experimente observar isso. A partir de então você vai entender que o vendedor não vendeu, nem embrulhou a cor errada. E sim a iluminação  de onde ela estava é diferente do seu destino.

Um comentário em “Luz, sua importância na percepção das cores

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s